Musica

Porque eu gosto tanto de musica eletrônica? No fim, são apenas umas notas programadas. Maiorias das musicas não tem nem letra e vocal.é um som artificial, cheio de efeitos como auto-tune, compressor, delay, eco e etc..

É um som bem esquisito de fato.Se tocassemos todos os instrumentos envolvido num ao vivo com pessoas reais tocando,  Precisaria de alguem ta toda hora mexendo na automação nos instrumentos( automação pra quem não sabe é esse processo que os robos tão tomando conta das nossas vidas). Mais de 30-100 instrumentos se organizando para tocar só em partes especificas da musica. É o genero que talvez tenha mais evolui durante a nossa geração.Tem mais 300 sub-gênero de musicas eletronicas bem distintos.
Os mais conhecidos são:House( musica de boate), trance( festival e raves) e o Bass hoje em dia( Musicas eletronicas com alto enfoque no baixo e frequencias Graves)

Houses classicos-Daff Punk


Houses modernos- Calvin Harris
Vocal trance- Above and Beyond(☆)
Psy Trance- Infected Mushroom
Brazilian Bass- Skank- ainda gosto dela(Gabe Pereira Remix)
Dubstep- skrillex (Obvio)

O lance da concetração na musica é a mesma de qualquer coisa da vida. Uma musica Nova é normal o ouvido estranhar, mas depois da 3 e 4 vezes, por mais que vc não goste muito da musica, aquelo som sempre vai ficar na sua cabeça.repare as relações que tem uma nota musical com a outra nota musical. O som saido do instrumento, e saiu do grave e foi para o agudo? Ou do agudo pro grave? A relação das notas é muito mais importante do que a nota em si. Nota po si só, só tem ritmo, não tem melodia. É mesma coisa com a nossa voz do nosso corpo. Conseguimos levar nossa voz do grave para o agudo e vice-versa

É assim que grande musicos que tem pouca experiencia no instrumentos, conseguem fazer coisas impressinantes em poucos meses de treino.
Quem se lembra do  “el sou rebelde” e teve alguns sonhos no mexico por algum motivo?

Publicado por Gabriel Sims

To aqui pela Zuera.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: